quinta-feira, 28 de junho de 2007

Campeonato de Portugal de 10000m - Uma estreia adiada


Tinha a intenção de experimentar esta época uma presença na mítica prova de 10000 metros. Sem ter feito uma preparação específica para o efeito (por opção técnica), pois a minha preparação tem sido feita com base na preparação para provas de 5000 metros (com alguns treinos de pista para ritmo de 10000m), mas meti na cabeça queria fazer uma experiência na distância. Mas nestas coisas a inexperiência, a falta principalmente do tal treino específico para a distância, aliada ao facto de não me sentir no meu melhor momento de forma, são três factores que por mais que a nossa vontade e a nossa ambição queiram, deitam por terra as nossas aspirações e foi isso precisamente que me aconteceu ontem ao desistir aos 5700 metros da prova. Mas pelo menos ficou a ideia que tinha da prova, não é fácil, tem de ser feita com muita cabeça, por mais que as pernas inicialmente queiram ir, temos que as controlar e acima de tudo temos que estar física e mentalmente, muito fortes! È sem duvida uma prova de pista com características únicas!
Os 10000 m realizados ontem à noite no Estádio Universitário em Lisboa (resultados completos), para alem de servirem para proclamar o novo Campeão de Portugal da distância, tinham o factor extra da tentativa de obtenção de mínimos (29.30) para o Campeonato da Europa de Sub-23, por parte do meu amigo Nuno Costa (Maratona). Com ambição a de ir em busca de tal resultado, o andamento inicial foi desde logo muito forte para o tipo de prova, tanto que ficou desde logo formado um grupo de 7 atletas no qual eu me incluía na cauda do grupo e do qual faziam parte Nuno Costa, António Salvador (SM Ovar), António Silva (CP Mangualde) José Moreira (Cyclones) Leonel Fernandes (Cyclones) e Sérgio Silva (J.Vidigalense).Deste grupo à passagem dos 4 kms acabei eu primeiro por descolar, e um pouco mais à frente era vez do jovem Leonel Fernandes que mesmo assim se aguentou muito bem sozinho, acabando por fazer um bom registo na sua estreia (30.20). Entretanto ficavam 5 atletas na frente, um grupo que ficaria reduzido a 4 atletas devido a desistência do já muito experiente veterano António Salvador. Esse mesmo grupo foi junto até à entrada para ultima volta, altura em que António Silva resolve atacar, inicialmente respondeu Sérgio Silva com Nuno Costa a ficar pouco para trás e José Moreira a não conseguir reagir. O final seria feito com um emocionante sprint nos últimos 200 metros com vantagem para o jovem António Silva (29.38) sobre Sérgio Silva (29.40) e com Nuno Costa(29.42) a acabar na 3ª posição.

8 comentários:

Sérgio Silva - Roda Furada disse...

hey craque! aquelas fotos estão boas, a do meio ficava muito melhor se não tivesses lá aquele braço, mas pronto... ;)
Pois foi a prova até começou um cadito rápida, mas para fazermos uma boa marca temos de arriscar sem ter o medo de perder. Realmente os 10.000m em pista são únicos, e é preciso ter alguma cabeçinha e uma certa dose de loucura. para a próxima vais lá outra vez e de certez que fazes melhor.
Abraço e vai continuando postando
Bons treinos

Krummenacker disse...

Boas! E o António Silva? Já tinha garantido os mínimos para o Europeu de sub-23? Aqui neste link aparece o mínimo de 30.15 para a prova dos 10.000m... Continuação de bons treinos e bons posts!

poeta do além disse...

o teu amigo nuno costa ia atras dos minimos mas quem os ia conseguindo era o antonio silva, devias destacar o rapaz

Sérgio Silva - Roda Furada disse...

Penso que ambos estiveram em grande, pena foi não terem conseguido os minimos (29'30"00 penso eu) fica para o próxima. Talvez o Nuno tenha assumido um pouco mais as despesas da corrida e que no final tenha vindo a pagar um pouco, contudo correu o risco e quem não arrisca não petisca, Parabens ao Campeão Nacional António Silva.
Boa sorte p'ra eles

Runnerboy79 disse...

Nao deixei de destacar o excelente resultado alcançado pelo António Silva, um atleta que mais uma vez demonstrou o seu potencial numa prova como esta, que nao é fácil.O Minimo para os Sub-23 é 29.30 como poderão comprovar no site da FPA.
Obrigado pelos vossos comentários

Krummenacker disse...

Esqueci-me de colocar o link eheheh... mas era um link para os mínimos definidos pela EAA. Tanto o António Silva como o Nuno Costa conseguiriam ir ao campeonato da europa de juniores. Não serão demasiado apertados os mínimos exigidos pela FPA?

Runnerboy79 disse...

Oi Krummenacker, desculpa so agora responder.Eu tb acho os minimos um pouco apertados se formos a olhar aos rankings nacionais, mas nao é só nos 10000m q há esse problema.A FPA põe sp minimos desajustados com a realidade portuguesa e depois admiram-se que quase ninguem consiga alcanca-los, em vez de motivar so desmotivam, à certos minimos que sao suficientes para ser finalista em certas competições internacionais.Infelizmente continua-se a viver a custa da "medalhite aguda" pois nao tem a noção do que é por exemplo ficar entre os 20 melhores do planeta!Isso para eles infelizmente ja nao lhes diz nada.
1 Abraço e Obrigado pelos teus comentários.

estreldosul disse...

Os 10000 metros é uma prova muito bonita mas é preciso estar muito bem,
ja la vão muitos anos, na minha estreia aos 10000 a onde fiz 31.12 na Suiça a onde trabalhava. foi maravilhosa essa corrida adorei pois nesse mesmo ano em Portugal fiz 30.20 que é o meu record Pessoal. Para mim o pior na prova é a falta de pessoas a verem se ouvesse mais publico acho que era mais facil para os Atletas.
http://estreladopedro.blogspot.com/